Herbário baldio

Entre o desejo da eternidade e a consciência do transitório, assenta-se este Herbário Baldio, nova pesquisa poética da artista visual Ana Lucia Mariz. Recorrendo aos primórdios da invenção da fotografia, Mariz se inspira nos photogenic drawings do pioneiro William Henry Fox Talbot (1800–1877) e nas experimentações com cianotipia da botânica e fotógrafa Anna Atkins (1799–1871), para trazer à luz, sem o uso de câmera fotográfica, uma história de minúcias e resistências – decorrências do processo acelerado e desordenado de mutações de São Paulo ou, como diria o geógrafo Milton Santos, a acumulação de tempos desiguais que permeia o espaço de uma cidade.

(FONTE: site da editora)

Identificação
Título
Herbário baldio
Tipo de Publicação
Cidade de Edição
Estado de Edição
País de Edição
Editora
Ano de publicação
2019
Número de Páginas
35 p.
ISBN / ISSN
9788563824233
Idioma
Ficha Técnica
Autoria (Fotografia)
Autoria (Texto)
Edição
Design (Projeto Gráfico)
Outros
Forma Física
Largura (cm)
16
Altura (cm)
18
Tiragem
110
Tipo de capa
Flexível
Tipo de Papel
Hahnemühle Matt Fibre 200g/m2 Hahnemühle Rice Paper 100g/m2 Papel reciclado artesanal Pólen Bold 90g/m2
Tipo de impressão
Jato de tinta
Tipo de encadernação
Japonesa Leporello
Extra externo
Envelope
Conteúdos
Notas de idioma

Textos em português e inglês.

Assuntos Fotográficos
Assuntos Gerais
A+
A-