Dulce sudor amargo

Em 1985, Miguel Rio Branco publicou Dulce Sudor Amargo, livro onde traça um paralelo entre o lado sensual e vital de Salvador e o lado histórico da cidade, que à época (1979) era habitada por prostitutas e elementos à margem da sociedade. É um ensaio sobre vida e morte, sobre cicatrizes deixadas pelo tempo e pelo viver. A fascinação do fotógrafo por estes lugares de contrastes fortes reside essencialmente no poder das cores e da luz tropical que ele transmite através de sua sensibilidade pictórica.

(FONTE: Magnum Photos – tradução livre do inglês)

Identificação
Título
Dulce sudor amargo
Tipo de Publicação
Cidade de Edição
País de Edição
Editora
Ano de publicação
1985
Número de Páginas
1 vol. não paginado
ISBN / ISSN
9681619692
Idioma
Publicação Seriada
Série
Ficha Técnica
Autoria (Fotografia)
Autoria (Texto)
Projeto Gráfico
Impressão
Forma Física
Largura (cm)
27
Altura (cm)
21
Tiragem
5.000
Tipo de capa
Flexível
Tipo de encadernação
Brochura
Conteúdos
Assuntos Fotográficos
Assuntos Gerais
Referências Externas
URL
A+
A-