Capa do livro

Lambe-lambe : pequena história da fotografia popular

Tentamos, neste trabalho determinar o papel social da fotografia ambulante no Nordeste do Brasil. O aparelho fotográfico utilizado pelos fotógrafos populares tem sua origem na tenda-laboratório dos ferrotipos. No Nordeste, no início do século, a fotografia popular representou para as classes desfavorecidas o único meio de possuir seu duplo. Os fotógrafos ambulantes participavam dos momentos importantes da família: casamento, nascimento dos filhos, batizado e toda a sorte de eventos sagrados, tal como a morte de parentes queridos, particularmente dos natimortos. Atualmente, eles se encontram instalados nos lugares estratégicos. Lá onde se tem necessidade de fotos para documentos oficiais. Graças a eles os excluídos do sistema econômico adquirem uma identidade social, um número no arquivo. Nosso trabalho pretende com isso, ter trazido uma modesta contribuição para a História da Fotografia Popular.

(FONTE: a publicação)


Identificação
Título
Lambe-lambe
Subtítulo
pequena história da fotografia popular
Tipo de Publicação
Cidade de Edição
Estado de Edição
País de Edição
Editora
Ano de publicação
1997
Número de Páginas
135 p.
Idioma
Ficha Técnica
Autoria (Texto)
Projeto Gráfico
Forma Física
Largura (cm)
12
Altura (cm)
21
Tipo de capa
Flexível
Tipo de encadernação
Brochura
Conteúdos
Assuntos Fotográficos
Assuntos Gerais
A+
A-