Moscouzinho

Nos anos 1940, Jaboatão dos Guararapes, em Pernambuco, elegeu o primeiro prefeito comunista do Brasil e por isso ficou conhecida como Moscouzinho. Nascido nos anos 1970, ainda sob a ditadura militar no Brasil, o fotógrafo Gilvan Barreto retorna à terra natal para recriar essa Moscouzinho atada em sua memória desde os relatos de seus pais. Para a produção das imagens do livro, ele utilizou antigos álbuns de sua família e arquivos do Departamento de Ordem Política e Social, o DOPS. Inspirado na arte política/panfletária russa, produziu novas fotografias e fotocolagens que representam sonhos, pesadelos e memórias. Criou, ao seu modo, o que seria essa Rússia pernambucana. 'Moscouzinho' não pretende ser um trabalho sobre um partido, tampouco partidário. Busca-se a política do afeto, da lembrança. Busca-se o reconhecimento de um território emocional situado entre o passado e o presente, a realidade e a fábula, entre o documental e a imaginação.

(FONTE: site da Livraria da Travessa)

Identificação
Título
Moscouzinho
Tipo de Publicação
Cidade de Edição
Estado de Edição
País de Edição
Editora
Ano de publicação
2012
Número de Páginas
132 p.
ISBN / ISSN
9788587314352
Idioma
Ficha Técnica
Autoria (Fotografia)
Autoria (Texto)
Edição
Design (Projeto Gráfico)
Impressão (Gráfica Principal)
Outros
Forma Física
Largura (cm)
14 (publicação) / 20 (caixa)
Altura (cm)
19 (publicação) / 25 (caixa)
Tiragem
1.300
Tipo de capa
Dura
Tipo de encadernação
Brochura
Extra externo
Caixa
Conteúdos
Notas de idioma

Textos em português e inglês.

Assuntos Fotográficos
Assuntos Gerais
URL
A+
A-