Tríade : linha, plano, imagem

curadoria Neusa Mendes e Ronaldo Barbosa

O Museu Vale apresenta a exposição coletiva TRÍADE: LINHA, PLANO, IMAGEM, dos artistas capixabas Bruno Zorzal, Fredone Fone e Sandro Novaes. A mostra, um site specific, em que as obras dialogam com a paisagem da baía de Vitória e com o porto, envolve os 800 m2 do Galpão de Exposições, entrelaçando ambientes internos e externos na amálgama de uma paleta de cores monocromática.

Bruno Zorzal, na Galeria I, parte das imperfeições das paredes para provocar, por meio da fotografia, reflexões sobre o tempo, a memória e o irreal. Sandro Novaes, por sua vez, faz da linha o objeto de pesquisa e fio condutor de seu trabalho: é ela quem guia o percur- so do tempo, saindo do plano e tornando-se tridimensional, e conformando, assim, uma grande instalação na Galeria II do museu. Fredone Fone completa a tríade, alastrando sua pintura mural nos 420 m2 da parede externa do galpão, trazendo uma composição de for- mas em tons de preto, branco, cinza e vermelho, que se torna visível desde o outro lado da margem, na cidade de Vitória. – HUGO BARRETO

(FONTE: a publicação)

Identificação
Título
Tríade
Subtítulo
linha, plano, imagem
Tipo de Publicação
Cidade de Edição
Estado de Edição
País de Edição
Editora
Ano de publicação
2019
Número de Páginas
128 p.
ISBN / ISSN
9788560008285
Idioma
Ficha Técnica
Autoria (Fotografia)
Autoria (Texto)
Projeto Gráfico
Outros
Conteúdos
Notas de idioma

Edição bilíngue português-inglês.

Assuntos Fotográficos
Assuntos Gerais
Referências Externas
URL
A+
A-