Sou aquela mulher do canto esquerdo do quadro

Uma operária, A Mulher do Canto Esquerdo do Quadro, que viveu parte de sua vida (1900 a 1968) no bairro do Ipiranga, São Paulo é a narradora da história. Trechos de publicações de mulheres anarquistas, como Maria Lacerda de Moura, Maria A Soares e Luce Fabbri, convivem com relatos sobre as perseguições, as greves e o cotidiano.

Sua amiga, Tita Mundo, é outra voz presente no livro e ela relata suas atividades grevistas no Brasil, México e Argentina. Cotidiano e documentos se cruzam com fatos históricos, como a Greve de 1917 em São Paulo, Greve dos Inquilinos em Veracruz e fluxos migratórios entre Brasil e Argentina.

(FONTE: site da editora)

Identificação
Título
Sou aquela mulher do canto esquerdo do quadro
Tipo de Publicação
Cidade de Edição
Estado de Edição
País de Edição
Editora
Ano de publicação
2019
Número de Páginas
32 p.
ISBN / ISSN
9788568151150
Idioma
Ficha Técnica
Autoria (Texto)
Design (Projeto Gráfico)
Impressão (Gráfica Principal)
Forma Física
Largura (cm)
14
Altura (cm)
21
Tipo de capa
Flexível
Tipo de encadernação
Canoa com costura
Conteúdos
Assuntos Fotográficos
Assuntos Gerais
URL
A+
A-